Recém-nascido é agredido pela mãe e acaba hospitalizado

Um bebê recém-nascido pode ter sido agredido pela própria mãe em Pinhalzinho. Ao menos é essa a linha de investigações Polícia Civil. O recém-nascido, que inicialmente foi identificado como tendo 30 dias de vida, foi agredido na última sexta-feira, 30, e ficou internado do Hospital Beneficente de Pinhalzinho até esta quarta-feira, 04.

De acordo com informações repassadas pela Polícia Civil, no dia da agressão, a mãe, que é uma adolescente de 17 anos, teria deixado a criança aos cuidados de uma outra pessoa para ir a uma festa e, ao retornar do evento, acabou praticando a agressão.

Atualmente o bebê foi entregue aos cuidados da avó materna, e a adolescente investigada foi entregue aos cuidados do pai. Um procedimento foi instaurado por parte da Polícia Civil e o caso será encaminhado para audiência.

Segundo o delegado de Polícia Civil de Pinhalzinho, Fernando Lúcio Mendes, o caso chamou atenção, pois mostra completa falta de estrutura familiar, pelo fato de uma adolesceste nessa idade ter um filho recém-nascido e estar agredindo o bebê nessas circunstâncias.

De acordo com delegado, as lesões geradas pela agressão ao bebê foram leves, todavia, o caso em si causa grande perplexidade.

Mendes destaca que o procedimento será encaminhado e a adolescente autora do ato infracional ficará à disposição da Justiça.

Rádio Efapi com informações da Nova FM.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.